Hebreus

Capítulo: 13
JESUS NÃO MUDA

1-4Estejam bem uns com os outros, unidos pelo amor, sempre prontos para oferecer uma refeição ou uma pousada, se alguém precisar. Pois alguns receberam anjos em casa, sem o saber! Tratem os prisioneiros como se estivessem presos com eles. Cuidem das vítimas de abuso como se o que aconteceu com elas tivesse acontecido a vocês. Honrem o casamento e mantenham a pureza sexual entre marido e esposa. Deus não aprova o sexo casual e ilícito.

5-6Não fiquem obcecados por adquirir bens materiais. Estejam satisfeitos com o que já possuem. Pois, considerando, que Deus nos assegurou: “Não vou permitir que vocês caiam, nunca vou abandonar vocês”, podemos corajosamente citar: Deus está pronto para nos ajudar; Não tenho medo de nada. Quem ou o que pode me atingir?

7-8Tenham consideração para com pastores que deram a vocês a Palavra de Deus. Observem como eles vivem e permitam que a fidelidade deles ensine vocês, bem como a verdade que eles defendem. Devemos ser persistentes, porque Jesus não muda — ontem, hoje, amanhã, ele é sempre o mesmo.

9Não sejam enganados: se especularem demais, podem acabar se afastando dele. A graça de Cristo é o único fundamento adequado à vida. Produtos com o nome de Cristo não fazem muito pelos que os compram.

10-12O altar de onde Deus nos envia o dom de si mesmo não se presta ao tipo de exploração praticada por gente desonesta. No antigo sistema, os animais eram mortos, depois os corpos eram retirados do acampamento. O sangue, então, era trazido para dentro do altar como sacrifício pelo pecado. Ocorreu o mesmo com Jesus. Ele foi crucificado fora das portas da cidade, e ali ele derramou o sangue do sacrifício, que foi trazido para o altar de Deus, a fim de purificar seu povo.

13-15Portanto, vamos para fora, onde Jesus está, onde a ação está. Não devemos pensar em privilégios, mas assumir nossa parte no sofrimento de Jesus. Esse “mundo que fica do lado de dentro” não é nosso lar. Esperemos a cidade que está para vir. Vamos para o lado de fora com Jesus, não mais derramando o sangue de sacrifícios de animais, e sim os louvores dos nossos lábios a Deus, em nome de Jesus.

16Não pensem que, por achar que tudo está resolvido, poderão se tornar preguiçosos e não fazer mais nada pelo bem comum. Não. Compartilhem o que têm com os outros. Deus tem prazer especial em atos de culto — um tipo diferente de “sacrifício” — que tem lugar na cozinha, no local de trabalho ou na rua.

17Sejam obedientes aos seus pastores. Ouçam o conselho deles. Eles estão atentos à condição da vida de vocês e trabalham sob a estrita supervisão de Deus. Contribuam para que a liderança deles seja alegre, não penosa. Por que tornar as coisas mais difíceis?

18-21Orem por nós. Não temos dúvida quanto ao que fazemos ou por que fazemos, mas é um trabalho difícil, e precisamos das suas orações. Tudo que queremos é viver bem na presença de Deus. Orem para que possamos nos reunir em breve. Que Deus, que reúne todas as coisas, e torna todas as coisas completas, Que estabeleceu a marca permanente do sacrifício de Jesus, o sacrifício de sangue que selou a aliança eterna, Que trouxe de volta Jesus, nosso Grande Pastor, levantado e vivo dentre os mortos, Que agora reúna vocês e os presenteie com tudo de que precisam para agradá-lo, Que Deus faça de nós aquilo que de mais prazer a ele, por meio do sacrifício de Jesus, o Messias. Toda glória seja dada a Jesus, para sempre e eternamente! Amém. Amém. Amém.

22-23Amigos, por favor, levem muito a sério o que escrevi a vocês. Escrevi da maneira mais resumida que pude; portanto, há muita coisa que não falei. Vocês vão gostar de saber que Timóteo saiu da prisão. Se ele vier logo, vou com ele visitar vocês.

24Transmitam uma palavra de saudação aos seus pastores e a todas as congregações. Todos aqui na Itália enviam lembranças.

25A graça seja com cada um de vocês.