Hebreus

Capítulo: 5

1-3Todo sacerdote principal selecionado para representar o povo diante de Deus e oferecer sacrifícios pelos pecados deles deve ser paciente com as falhas deles, pois essa também é a sua própria experiência. Isso significa que ele tem de oferecer sacrifícios pelos próprios pecados, não só pelos pecados do povo.

4-6Ninguém assume por conta própria essa posição de honra. Precisa ser chamado por Deus, como foi o caso de Arão. Nem Cristo se presumiu sacerdote principal: ele também foi separado por aquele que disse: “Tu és meu Filho, hoje me alegro em ti!”. Em outro lugar Deus declara: “Tu és sacerdote para sempre, na ordem real de Melquisedeque. — .

7-10Enquanto viveu na terra, antecipando a morte, Jesus clamou de dor e lamentou de tristeza, enquanto apresentava suas orações sacerdotais a Deus. Ainda que fosse o Filho de Deus, ele aprendeu uma obediência confiante pelo que sofreu, assim como nós. Então, tendo chegado ao apogeu da maturidade e declarado por Deus sacerdote principal na ordem de Melquisedeque, ele se tornou a fonte da salvação eterna para todos os que obedecem a ele confiadamente.

CRUCIFICANDO JESUS OUTRA VEZ

11-14Tenho muito a dizer sobre este assunto, mas é difícil argumentar com vocês, pois se apegaram ao mau hábito de não ouvir. Vocês já deveriam ser mestres, mas percebo que ainda precisam de alguém que se sente com vocês e ensine de novo os princípios elementares acerca de Deus, desde o início. Estão bebendo leite materno, quando deveriam estar, há muito tempo, ingerindo alimento sólido! O leite é para principiantes, inexperientes nos caminhos de Deus; o alimento sólido é para quem tem maturidade e alguma prática em discernir o certo do errado.