Capítulo: 26
A DEFESA DE JÓ DEUS ESTABELECE UM LIMITE ENTRE A LUZ E AS TREVAS

1-4Jó respondeu: “Que bela ajuda vocês deram a um homem desamparado! Chegaram para o resgate no último instante! E que conselho para um homem confuso! Palmas para vocês. Como foi esclarecedor! Mas onde vocês aprenderam isso? De onde vem tanta inspiração?

5-14“Os mortos estão sofrendo, e grande angústia atinge os que foram lançados no fundo do mar. O inferno está aberto diante de Deus, e a terra da destruição está exposta. Ele estende os céus sobre o espaço sem forma, sustenta a terra no vazio. Ele acumula água nas nuvens densas, que não se rompem com o peso. Ele cobre a face da lua cheia, estendendo suas nuvens sobre ela. Ele delineia o horizonte sobre o oceano, que serve de limite entre a luz e as trevas. O estrondo do trovão ressoa nos céus: ‘Ouçam! É a voz de Deus!’ Com seu poder silencia as tempestades no mar; com sua sabedoria subjuga os monstros marinhos; Com um sopro limpa os céus; com um dedo esmaga a serpente marinha. E isso é só o começo, um mero vislumbre do seu poder. Imaginem o que seria de nós se ele realmente erguesse a voz!”.