Provérbios

Capítulo: 22
A CURA VEM PELA DISCIPLINA

1Ter boa reputação é melhor que tirar a sorte grande; ser bem estimado pelos outros é melhor que ter muito dinheiro no banco.

2O rico e o pobre são iguais nisto — o Eterno criou os dois!

3O prudente enxerga um problema e logo dá um jeito de escapar; o insensato entra de cabeça e acaba detonado.

4A recompensa da humildade e do temor do Eterno é fartura, honra e vida.

5O caminho do perverso é perigoso e esburacado; se você não quer perder a vida, fique bem longe!

6Mostre a direção da vida para seus filhos — e, mesmo quando forem velhos, eles não se perderão.

7Os pobres são dominados pelos ricos; quem toma emprestado fica nas mãos deles.

8Quem semeia O pecado colhe a desgraça, pois todo mal se voltará contra ele.

9As mãos generosas são abençoadas porque repartem o que têm com quem precisa.

10Mande embora quem gosta de confusão e as coisas se acalmarão; isso vai pôr um fim nas brigas e insultos.

11O Eterno ama quem tem um coração puro e sincero e considera amigo quem expressa a graça de Deus no falar.

12Os olhos do Eterno guardam o conhecimento com zelo, mas ele quer distância da mentira e da falsidade.

13O preguiçoso sempre encontra uma desculpa; ele diz: “Tem um leão à solta! Se eu sair, vou ser devorado!”.

14A sedução da mulher devassa é uma armadilha perigosa; e, se você tiver dado as costas para o Eterno, com certeza cairá nela.

15Os jovens são propensos a tolices, são inconsequentes, mas a disciplina é um ótimo remédio!

16Tanto quem se aproveita do pobre quanto quem bajula o rico terão o mesmo fim: cairão na sarjeta!

OS TRINTA PRECEITOS DOS SÁBIOS - NÃO ALTERE OS LIMITES

17-21Ouça minha sabedoria; guarde no coração tudo que eu ensinar. A doçura dela invadirá sua vida; e ela lhe será muito importante. Para ter certeza de que sua base está firmada no Eterno, vou apresentá-la a você agora. São trinta excelentes princípios — diretrizes testadas e comprovadas. Acredite, são verdades que funcionam, são dignas de confiança para quem quer precise.

22-231. Não pise nos pobres só porque são pobres, e não use sua posição para explorar o fraco, Porque o Eterno virá em defesa deles. O Eterno tirará a vida de quem lhes tirou para devolver a eles.

24-252. Não ande com gente que só cria confusão; fique longe de quem tem pavio curto. Porque é contagioso — você ficará igual e isso fará muito mal a você.

26-273. Não aposte em coisas como o pote de ouro no fim do arco-íris, dando como garantia a sua própria casa. Chegará o momento de pagar a dívida, e você ficará só com a roupa do corpo.

284. Não altere os limites da propriedade demarcados há muito pelos seus antepassados.

295. Observe aquele que é bom no que faz — os bons profissionais são solicitados e admirados e não ficam à sombra de ninguém.