Salmos

Capítulo: 111

1-10Aleluia! Dou graças ao Eterno com tudo que tenho, Onde quer que os bons se reúnam e na congregação. As obras do Eterno são tão grandiosas, dignas de Uma vida inteira de estudo — prazer sem fim! Esplendor e beleza marcam sua arte; Sua generosidade jamais acaba. Seus milagres são seu memorial — O Eterno da graça, o Eterno do amor! Ele deu comida para os que o temiam, Lembrou-se de guardar sua antiga promessa. Ele provou ao seu povo que podia cumpri-la: Entregou-o às nações numa travessa — um presente! Ele produz a verdade e a justiça. Todos os seus produtos são garantidos para durar — Nunca fora da validade, nunca obsoletos, inoxidáveis. Tudo que ele cria e faz é honesto e verdadeiro. Ele pagou o resgate por seu povo, Ele ordenou que sua Aliança fosse mantida para sempre. Ele é pessoal e santo, digno do nosso respeito. A sabedoria começa no temor do Eterno — Faça isso, e você conhecerá as bênçãos do Eterno. Seu louvor dura para sempre!